segunda-feira, outubro 23, 2017
Home > Relógio do Ciclo > EUA 1º Tr. 2014 A produtividade das manufaturas não dá sinal de queda

EUA 1º Tr. 2014 A produtividade das manufaturas não dá sinal de queda

A taxa de produtividade (ou de exploração do trabalho) na economia reguladora do sistema global já é superior a mais elevada do ciclo anterior. Essa realidade só pode ser bem verificada em período mais amplo, desde o ponto mais elevado do ciclo anterior. O foco da análise deve ser também nas manufaturas de bens duráveis – que concentram os ramos com a maior composição orgânica do capital e que regulam, portanto, a variação da produtividade, produção e preços da totalidade da indústria. A análise aprofundada deste período mais amplo encontra-se em nosso boletim desta semana da Crítica Semanal da Economia.

6

texto-meio